Wesley Safadão ataca governantes: “Não pode shows, mas comício, pode”

O cantor Wesley Safadão criticou, em live neste sábado (24), os governantes por não terem autorizado, até o momento, a volta dos shows. O apelo pela necessidade de volta às “atividades normais” trouxe uma alfinetada, em que o cantor apontou contradição em impedir shows, mas autorizar comícios. “Não pode shows, mas comício, pode”, disse.

Os shows têm acontecido em drive-ins, inclusive em Salvador. O cancelamento de alguns destes se deram por motivos de segurança, como por exemplo diagnóstico de Covid-19 de um cantor em show em Salvador.

O cumprimento das regras de segurança sanitária impede shows nos moldes pré-pandemia, já que o distanciamento social é importante para a contenção da disseminação do vírus Sars-Cov-2, que causa Covid-19 e já matou mais de 150 mil pessoas no Brasil e mais de 1 milhão no mundo neste ano.

As regras valem para as campanhas eleitorais, embora denúncias de não-cumprimento das regras têm sido feitas, inclusive pelo secretário estadual de saúde, Fábio Vilas-Boas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *