Violência antes do Ba-Vi: Três torcedores do Bahia e um do Vitória são baleados

Torcedor do Vitória é baleado no bairro de Paripe, subúrbio de Salvador; amigo leva soco no olho

Um torcedor do Vitória foi baleado no final da manhã deste domingo (8), no bairro de Paripe, subúrbio de Salvador. De acordo com informações do posto policial do Hospital do Subúrbio, a vítima estava acompanhada de um amigo, que não vestia camisa de time.

Segundo a polícia, as vítimas estavam a pé, na Estrada da Cocisa, próximo à Rua Venezuela, quando quatro homens em um carro, e dois em uma moto, desceram dos veículos e dispararam contra elas. O jovem de 24 anos que estava com a camisa do Vitória levou um tiro na coxa e nas nádegas. O amigo dele, que tem aproximadamente a mesma idade, foi agredido com um soco no olho.

Ainda de acordo com a polícia, um senhor que passava pela região avistou as vítimas e socorreu para o Hospital do Subúrbio. O jovem atingido por tiros passou por cirurgia e o estado de saúde dele é estável. Já o amigo dele foi atendido e liberado.

Segundo testemunhas disseram à polícia, o ataque teria sido cometido por torcedores do time rival, o Bahia. Porém, essa informação não foi confirmada pelo posto policial do Subúrbio e nem pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). A polícia investiga o caso.

Baleados no Tororó

Três integrantes da torcida organizada do Esporte Clube Bahia, a “Bamor”, foram baleados na porta da sede do grupo, na Travessa Florência dos Passos, no bairro do Tororó, em Salvador, na manhã deste domingo – dia de decisão do Campeonato Baiano, com o Bahia e o Vitória.

A informação foi divulgada ao G1 pela Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). De acordo com a SSP, homens armados passaram no local, em um carro modelo HB20, e atiram nas vítimas. Após a ação, os criminosos fugiram. Eles ainda não foram identificados.

Conforme a SSP, depois do ataque, as vítimas foram socorridas por populares. Duas delas foram levadas para o Hospital Geral do Estado (HGE) e a outra foi encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) dos Barris. Não há detalhes sobre o estado de saúde dos torcedores. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *