Rui defende publicação de conversas de Moro na íntegra ‘o mais rápido possível’

O governador Rui Costa (PT) defendeu a rápida publicação de todas as conversas entre o ex-juiz Sérgio Moro e procuradores da Lava Jato, ao contrário do formato adotado pelo site Intercept Brasil, que tem revelado trechos do conteúdo total.

“Eu acho que fica sempre a necessidade da sociedade conhecer todo o conteúdo o mais rápido possível. Eu disse ontem que desejo, para o bem da democracia brasileira e do nosso país, que o próprio Ministério Público e a Justiça adotem um processo de investigação o mais rápido possível, para garantir a absoluta transparência de tudo”, declarou o chefe do Executivo baiano.

O petista ainda criticou o atual ministro da Justiça, ao sugerir que Moro agiu para obter vantagens futuras. “Não é admissível, em nenhum lugar do mundo, juiz ou promotor fazer política partidária, usar a Justiça ou o Ministério Público para autopromoção pessoal, para beneficiar partidos ou alcançar cargos”, declarou.

Questionado sobre as críticas feitas pelo prefeito ACM Neto em relação à sua postura sobre a reforma da Previdência, Rui se esquivou do embate.

“Eu não quero comentar. Quem é oposição faz seu trabalho. Eu estou buscando ajudar a construir uma nação que inclua as pessoas mais pobres. Não vou ficar respondendo a qualquer pessoa. Espero que as pessoas possam contribuir com ideias, propostas, e não apenas ficar com críticas. Eu não quero ficar num debate com o prefeito, ou vereador, ou deputado”, disse.

Segundo Neto, o governador “chega em Brasília e faz um jogo de cena fingindo que é a favor da reforma para que estados e municípios estejam incluídos e ele não tenha a obrigação de encaminhar um projeto à Assembleia”.

Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *