Respirador criado pela UFPB de R$ 400 é liberado para produção por empresas

A Universidade Federal da Paraíba criou em 48 horas um respirador pulmonar que é 37 vezes mais barato que o disponível no mercado e teve sua licença liberada para produção por empresas. O valor total do projeto é de R$ 400, o ventilador mais barato no mercado custa R$ 15 mil.

As empresas ainda precisam submeter o aparelho aos testes no Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), mas essa já se apresenta como uma das soluções para a falta de equipamentos que acometerão o SUS se houver alta demanda de pessoas internadas com casos graves de problemas respiratórios em decorrência da covid-19.

Outros projetos similares de respiradores vêm sendo produzidos em universidades brasileiras. A Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP) e da Universidade Federal do Rio de Janeiro também estão com seus pesquisadores trabalhando para propor soluções para a pandemia do novo coronavírus.

As universidades, a pesquisa e a ciência têm sido essenciais no combate à pandemia e é sempre bom lembrar que o próprio governo já se colocou contra as instituições de ensino, acusando os espaços de promover balbúrdia e cortando verbas.

 

midianinja

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *