Pescadores e marisqueiros de São Francisco realizam manifestação em Salvador

Pescadores e marisqueiros de São Francisco do Conde, fizeram um protesto na frente do CEO Salvador, na manhã desta quarta-feira (19), pedindo a liberação, junto ao escritório de advocacia que os defende, o valor da indenização que ganharam da Petrobras na Justiça. A estatal foi responsabilizada pelo derramamento de óleo na Baía de Todos os Santos, o que teria causado prejuízos às comunidades que sobrevivem da pesca na região.
No CEO Salvador fica a sede do escritório de advocacia Tourinho & Godinho Advogados Associados, que defende o grupo de pescadores na ação.
Ele argumenta que já foi apresentada uma petição junto à Justiça pedindo a liberação do dinheiro. Após a discussão, Arjones reuniu dez representantes do movimento e foi até o fórum onde tramita o processo.
De acordo com um dos manifestantes, a Petrobras teria apresentado um pedido para frustrar a liberação do alvará para pagamento da indenização. Fato que estaria implicando na demora do repasse dos valores aos pescadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *