Paulo Guedes é pressionado a demitir aliado de Moro, diz jornal

O ministro da Economia, Paulo Guedes, está sendo pressionado pela equipe do presidente Jair Bolsonaro (PSL) a demitir o o presidente do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras), Roberto Leonel, aliado de Sergio Moro.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, o próprio Bolsonaro estaria de acordo com a saída de Roberto e a orientação para que Guedes encontre um substituto.

O motivo é que Bolsonaro estaria insatisfeito com o comportamento de Leonel em relação à decisão do STF de proibir ações do Coaf sem um amparo judicial.

Leonel é um dos principais aliados de Moro e foi chefe da inteligência da Receita Federal em Curitiba por 22 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *