“Padroeiro de Salvador é o protetor contra epidemias”, afirma professor Chico Senna

“A devoção a São Francisco Xavier é de grande importância não só por ele ser o padroeiro da nossa cidade, mas por ser ele o protetor contra epidemias. Para quem tem fé, este momento de pandemia permite grande devoção e espiritualização, ainda mais para quem recorrer à proteção de São Francisco Xavier”.

A afirmação é do arquiteto, historiador e professor aposentado da UFBA, Francisco Senna, que também é irmão da Venerável Ordem Terceira de São Francisco de Assis.

Em uma entrevista de pouco mais de 7 minutos para a Devoção ao Padroeiro, professor Chico Senna, como é carinhosamente conhecido, conta um pouco da história do protetor da capital baiana, resumindo a palestra que tem feito nos últimos anos na Catedral Basílica de Salvador sempre no dia 10 de Maio, dia da consagração da Soterópolis ao santo jesuíta, que também é o Padroeiro Universal das Missões.

Senna recorda que a devoção ao Padroeiro de Salvador ficou praticamente abandonada após a expulsão dos jesuítas em 1759, sendo retomada durante a epidemia de 1855 com nova eleição de São Francisco Xavier como protetor dos soteropolitanos.

Coordenador da Devoção, o Padre Ângelo Magno agradece ao professor Chico Senna por sua atenção a São Francisco Xavier neste momento de pandemia em que os fiéis soteropolitanos precisam recorrer com ainda mais fervor à intercessão do seu Padroeiro.

“Professor Chico Senna tem dado todos os anos verdadeiras aulas de história e lições de fé que devem ser assistidas por todos os católicos soteropolitanos. Fico muito feliz por ele ter nos dado essa entrevista”, agradece.

Confira a entrevista na íntegra no Instagram da Devoção ao Padroeiro de Salvador (@XavierPadroeirodeSalvador).

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *