Madre de Deus: Prefeitura proíbe entrada de veículos e pessoas não residentes até janeiro

A prefeitura de Madre de Deus, proibiu a entrada de veículos e pessoas não residentes na cidade. O decreto, publicado nesta quinta-feira, 24, é válido até o dia 5 de janeiro, e determina ainda o controle da circulação dos moradores e a proibição de eventos no período do Réveillon.

Há exceções apenas por motivos de saúde, próprios e de terceiros, ou para obter ou facilitar assistência em hospitais, clínicas e postos de saúde. O deslocamento entre domicílios e os locais de trabalho de agentes públicos, ou pessoas que prestam assistência a pessoas com deficiência, crianças, progenitores, idosos, dependentes ou pessoas vulneráveis também está liberado.

Ainda de acordo com o decreto, bares, restaurantes, barracas de praias, igrejas, templos religiosos e demais ambientes de lazer estão proibidos de usar carros de som ou aparelhos similares. As barracas de praia só poderão colocar cinco mesas na faixa de areia. O funcionamento de bares e restaurantes também foi afetado, sendo restrito até as 18h.

Segundo o prefeito Jailton de Almeida, o decreto foi uma forma de tentar reduzir a velocidade do novo coronavírus. Nos casos de descumprimento, a prefeitura informa que a força policial poderá ser empregada, e que os infratores serão responsabilizados, inclusive na esfera criminal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *