Madre de Deus: Duas gestantes são transferidas emergencialmente por fala de médico

Nesse sábado (09) duas gestantes da cidade de Madre de Deus tiveram que ser transferidas para serem atendidas nos municípios vizinhos. Uma foi transferida para o hospital de Candeias e a outra para São Francisco do Conde. As gestantes passaram por essa situação após não conseguirem realizar o trabalho de parto em Madre de Deus por falta de médico. Um vídeo que circula nas redes sociais mostra as grávidas chorando.

O atual prefeito, Jailton Santana, disse em nota que o médico plantonista havia pedido demissão, por falta de pagamento da gestão anterior. “A antiga gestão municipal não quitou os proventos de março de alguns colaboradores”, diz um trecho da nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *