Grupos fazem protesto em Salvador contra o racismo e o fascismo

Um grupo de manifestantes protesta em frente ao Shopping da Bahia, em Salvador, desde as 14h deste domingo (7). Segundo os organizadores do movimento, o ato é contra o racismo e o fascismo no país e também contra o presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o Reação Antifascista Salvador (Rantifas), que faz parte do protesto, o grupo foi motivado pela força das movimentações iniciadas pela população negra-estadunidense em oposição à violência policial após a morte de George Floyd.

O ato em Salvador tem como centro do debate o valor das vidas negras no Brasil. A manifestação também tem a participação do grupo de torcidas antifascistas de times de futebol da capital baiana. De acordo com os organizadores, o protesto também é pela democracia.

Por volta das 15h, uma multidão se concentrou em frente ao Shopping da Bahia com faixas e cartazes contra o racismo, o fascismo e também contra o presidente Bolsonaro. O protesto tem previsão de ser encerrado às 17h, segundo informações dos organizadores do movimento.

Além do grupo Rantifas, participam do protesto torcidas antifascistas do Bahia e do Vitória, o Movimento Aquilombar, o CSP Conlutas e alguns partidos políticos.

De acordo com a Transalvador, o trânsito fluiu normalmente na região, já que os manifestantes estão na marginal da via principal da Avenida ACM, onde ocorre o protesto. Segundo o órgão de trânsito, a manifestação foi encerrada por volta das 17h.

G1 Bahia
Foto: Clériston Santana/TV Bahia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *