Cachoeira: Funcionários da prefeitura são acusados por roubo de remédio e merenda escolar

Na última sexta-feira (22) a redação do RecôncavoOnline recebeu uma denúncia que chamou atenção dos funcionários da saúde do município. A grave denúncia dos agentes da saúde dão conta de que prefeito de Cachoeira, Tato Pereira (PSDB), convocou uma reunião de emergência no cinema da cidade onde afirmou que funcionários do município estariam roubando medicações e até merenda escolar. Além de passar por constrangimento generalizado os funcionários disseram ainda que o gestor afirmou ter provas gravadas de agentes públicos “roubando, desviando e extraviando medicações”. A saúde de Cachoeira vem sofrendo desgastes nos últimos meses. Nesse mesmo mês foi instalada na câmara de vereadores conforme publicado aqui a CPI da Saúde que apura graves denúncias de corrupção em um convênio entre a Santa Casa da cidade e a prefeitura. Na semana passada moradores do Iguape realizaram manifestação contra o fechamento do único serviço médico de pronto atendimento diário 24h, para a população das comunidades quilombolas da região do Vale e da Bacia do Iguape. Na mesma denúncia os agentes da saúde ainda cobraram posicionamento do presidente do Sindpuc, Sérgio Rocha. Segundo eles Rocha vem se omitindo quando não diz o que pensa sobre essa grave acusação de roubo, o não-cumprimento por parte do prefeito com a lei municipal que assegura o pagamento do PMAQ e outras reivindicações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *