Brasileirão: Bahia enfrente o Grêmio e o Vitória visita o Santos neste domingo

BAHIA

Se há uma coisa que o torcedor do Bahia ainda acredita no Campeonato Brasileiro deste ano é na força do Esquadrão jogando na Arena Fonte Nova.

Por isso, é fundamental que o Tricolor baiano faça valer a força do seu mando de campo neste domingo, 3, às 16h, contra o Grêmio, pela nona rodada do Brasileirão. Um triunfo retira o Bahia, independente de outros resultados do fim de semana, da incômoda zona de rebaixamento, na qual o Esquadrão atualmente ocupa a 17ª posição.

Nos quatro jogos que o Bahia fez na Fonte Nova, no Brasileirão, a equipe conquistou os oito pontos que possui até o momento no torneio, com dois triunfos (Santos e Vasco) e dois empates (Atlético-PR e São Paulo), com um aproveitamento de 66,7% da pontuação das partidas em Salvador.

Então, enquanto o técnico Guto Ferreira não consegue organizar uma nova forma do Bahia se postar nas partidas fora de casa, é melhor se apoiar na força da equipe ao lado de sua torcida.

Sem contar na partida com os atacantes Edigar Junio, machucado, e Élber, que cumpre suspensão, as maiores esperanças de gols na temporada têm caído sobre os meias Vinícius e Zé Rafael, artilheiros do time no ano com nove gols.

O primeiro viveu seu melhor momento durante o Campeonato Baiano, quando marcou seis gols pelo estadual. Já Zé Rafael vem em uma crescente como goleador em 2018, mostrando melhor desempenho nas conclusões do que na temporada passada.

Entretanto, ambos ainda têm números discretos no Brasileirão: enquanto Zé fez apenas um gol na Série A, Vinícius não marcou em nenhuma partida na competição.

Para o jogo deste domingo, Guto Ferreira não divulgou a lista de relacionados, o que deixa algumas dúvidas na escalação. Além dos já citados Edigar e Élber, o técnico não contará com o volante Gregore, suspenso, e o meia Marco Antônio, que ainda segue no departamento médico.

No gol, Douglas, após período fora por lesão, treinou normalmente e está à disposição, mas não se sabe se Guto vai escalar o atleta já na partida de hoje no lugar de Anderson. Na lateral-direita, Nino Paraíba e João Pedro disputam a preferência da posição. João Pedro, inclusive, pode ser utilizado mais avançado no lugar de Élber. Allione também disputa uma vaga no setor, que também pode ser ocupada por Régis, a depender da escolha tática de Guto.

Outro que volta de lesão é o lateral esquerdo Léo, que pode entrar na vaga do chileno Mena. Mais uma dúvida é quem será escolhido como o substituto do suspenso Gregore: Flávio e Edson disputam a posição na equipe titular.

Grêmio desfalcado

Do lado do Grêmio, o técnico Renato Gaúcho contará com uma série de desfalques: Léo Moura, Arthur e Luan não viajaram para Salvador e estão fora da partida. Já o zagueiro Kannemann ficou fora do treino realizado ontem em Salvador, na Toca do Leão, e virou dúvida para o jogo deste domingo.

VITÓRIA

Em 2010, Vitória e Santos decidiram o título da Copa do Brasil. Neste domingo, 3, oito anos depois, as mesmas equipes travam um duelo contra a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Antes da bola rolar pela nona rodada, às 16h, na Vila Belmiro, apenas dois pontos separam as duas equipes.

O Peixe é o atual 18º colocado e precisa vencer para ultrapassar o adversário e deixar o incômodo grupo dos quatro últimos. Já o Leão, que frequentou o Z-4 por algumas rodadas, ocupa a 16ª posição e corre atrás dos três pontos para se afastar dos times que figuram na zona do descenso.

O Rubro-Negro até vinha de uma boa sequência na competição. Estava invicto há três jogos, com dois triunfos e um empate, mas perdeu em casa para o Internacional e voltou a flertar com a zona de rebaixamento.

Brigar na parte inferior da tabela é novidade para o Santos. O Alvinegro Praiano vem de boas campanhas no Brasileirão, inclusive foi vice-campeão em 2016. Para Vagner Mancini, o Vitória precisa saber explorar o momento complicado do Peixe.

“O Santos, jogando na Vila pressionado, é uma equipe perigosa, mas, ao mesmo tempo, ele vai te dar oportunidade de jogo(…) Normalmente, o Santos está bem colocado, com times que fazem boa campanha. Então a gente tem que tentar aproveitar”, projetou o treinador.

Mancini também pediu “inteligência” de seus jogadores, para que o time conquiste pontos na casa do adversário. Nos dois últimos jogos como visitante, o Leão venceu o Vasco e empatou com o Botafogo.

“O Vitória tem que ser inteligente o suficiente para saber que, nesse momento, tem uma boa possibilidade diante do Santos, porque dificilmente vamos enfrentar o Santos numa situação assim”, concluiu o técnico.

Além da certeza de ocupar a zona de rebaixamento, o treinador derrotado na partida de logo mais também deve se preparar para ouvir muitos questionamentos. No lado santista, a imprensa paulista aponta que Jair Ventura já balança no cargo. A situação de Mancini parece mais segura, já que o técnico conta com apoio declarado da diretoria, mas as críticas da torcida são cada vez mais frequentes.

Mudanças no time

Mancini não poderá contar com Jeferson, suspenso pelo acúmulo de cartões amarelos. Com isso, Pedro Botelho retorna ao time na lateral-esquerda. Apesar de contestado pela torcida, o jogador recebeu apoio do treinador na entrevista coletiva de sexta-feira.

“Todos os atletas que aqui estão tentam fazer o melhor que podem. De maneira alguma, escalaria alguém em quem não visse empenho. Se o atleta vai bem ou mal no jogo, é por uma série de detalhes, de razões que muitas vezes a gente consegue ajudar, e outras vezes, não”, disse Mancini, que também aproveitou a oportunidade para voltar a criticar a falta de peças de reposição no elenco.

“Só tenho Pedro Botelho. Perdi um jogador na véspera da partida. Meu elenco não é extenso. Juninho voltou a sentir a lesão e retardou a volta. Bryan não está pronto. Não tem o que falar”, disse.

Se Jeferson será ausência, o treinador pelo menos pode comemorar o retorno de Rhayner. O meia cumpriu suspensão automática contra o Inter, e está liberado para a partida de hoje. Mesma situação de Yago, mas o camisa 77 não tem frequentado o time titular do Leão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *