Bolsonaro nomeia Mendonça para Justiça e Ramagem para a PF

O presidente Jair Bolsonaro confirmou, por meio do Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (28), a nomeação do advogado André de Almeida Mendonça como ministro da Justiça, bem como a do delegado Alexandre Romagem como chefe da Polícia Federal.

Para o lugar de Mendonça, que comandava a na Advocacia-Geral da União (AGU), Bolsonaro oficializou o atual procurador-geral da Fazenda, José Levi do Amaral, nome apoiado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes. A expectativa é que Mendonça melhore a relação de Bolsonaro com o Poder Judiciário.

O novo diretor da PF era diretor-geral da Abin (Agência Brasileira de Inteligência) e é homem de confiança do presidente e de seus filhos, sobretudo de Carlos, que está sendo investigado em um esquema criminoso, a pedido do Supremo Tribunal Federal (STF).

Delegado de carreira da Polícia Federal, Ramagem se aproximou da família Bolsonaro durante a campanha de 2018, quando comandou a segurança do então candidato a presidente. O vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) é um dos seus principais fiadores e esteve diretamente à frente da decisão que o levou ao comando da agência de inteligência em junho passado. Com informações da Folha de S.Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *