Apresentador da Globo é acusado de fazer comentário racista ao vivo

O apresentador do Bom Dia São Paulo Rodrigo Bocardi está sendo acusado de ter feito um comentário que demonstra racismo, durante o programa desta sexta-feira (7).

O caso aconteceu quando o repórter Tiago Scheuer entrevistava um jovem negro no metrô, e o rapaz estava indo para um clube de classe alta da cidade. Então, o apresentador pediu para que ele perguntasse se o entrevistado era gandula e trabalhava pegando as bolinhas de tênis no clube. E então, o rapaz responde que é atleta e que joga polo aquático.

Internautas interpretaram a pergunta como racismo estrutural. Nas redes, usuários apontaram que Bocardi só achou que o rapaz era gandula por ele ser negro e estar a caminho de um clube de classe alta.

Após a entrevista, Bocardi começou a acompanhar a repercussão nas redes sociais e resolveu falar sobre a situação. “Gente, queria aproveitar a oportunidade. Não vamos fazer disso uma grande história sobre o rapaz do polo aquático. Eu fui pela camiseta dele perguntar se ele pega bolinha na maior inocência. Assim como eu jogo e sou querido por vários garotos que estão ali comigo todo dia. Existem brancos, negros, de tudo quanto é tipo”, falou.

Ele disse ainda que as pessoas não estavam sendo justas. “Espero poder encontrar todos eles hoje, bater uma bola, quem sabe, seja onde for, na quadra que for, no clube que quiser. Não vamos terminar o dia assim. Tô falando de coração. Quem enxerga preconceito nisso não tá sendo justo. Preconceito tá no olhar”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *