Santo Amaro: Números de casos confirmados divulgados pela prefeitura não conferem com dados do Governo

O Boletim Epidemiológico da prefeitura de Santo Amaro desse sábado (11) apontou 313 casos confirmados do novo Coronavírus na cidade e 84 casos suspeitos. No entanto os dados do Boletim da Secretaria de Saúde do Estado aponta que Santo Amaro tem 317 e mais 2 casos aguando Validação do Município. A divergência nos dados entre a prefeitura e a Secretaria de Saúde do Estado preocupa moradores que enviaram a denúncia  exigindo explicações da secretaria de saúde do município. Procurada pela nossa equipe a prefeitura afirmou que a divergência acontece com “frequência” pelo fato de que as notificações de pacientes são realizadas em diversas unidades da rede de saúde do país, sendo que essas unidades são credenciadas na rede particular e na rede SUS. Confira o Boletim do Governo do Estado e o da prefeitura além da nota oficial.

 

NOTA Prefeitura

A divergência acontece com frequência pelo fato de que as notificações de pacientes são realizadas em diversas unidades da rede de saúde do país, sendo que essas unidades são credenciadas na rede particular e na rede SUS. Porém, mesmo que a notificação ocorra em outro município ou estado, o paciente será contabilizado na localidade do domicílio onde consta registro do cartão SUS. Sendo assim, os pacientes que realizam coletas de exames fora do município de origem são registrados no Gerenciador de Ambiente Laboratorial (GAL), sistema gerenciado pela Sesab, e a mesma informa ao município para que realize a busca ativa e valide os dados.
A Coordenação da Vigilância em Saúde informa que os quatro casos que estão em divergência entre os Boletins do Estado e do Município são de pacientes que realizaram coleta na rede particular e fora do domicilio. Os casos estão em fase de conclusão da busca ativa para que assim ocorra a validação dos dados pelo município.
É importante salientar que há momentos onde o Boletim Epidemiológico do município contabiliza números maiores do que o Boletim Epidemiológico da Sesab, isso acontece porque os pacientes são atendidos no município e a busca ativa é efetuada no momento da coleta do material para realização do exame, neste caso, o município tem acesso direto ao resultado e de imediato valida as informações para a Sesab.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *