UFRB cria comissão para apurar denúncias de racismo dentro do campus

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) divulgou uma nota na tarde desta terça-feira (10) informando que vai apurar a acusação de racismo sofrida pela professora Isabel Cristina Ferreira dos Reis do Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL). O estudante Danilo Araújo de Góis é acusado pelos colegas de cometer o crime.

“A instituição já criou uma comissão para apurar as denúncias encaminhadas por estudantes e professores do Centro, que informam ter presenciado reiteradas manifestações de preconceito racial, de gênero e de homofobia por parte do estudante”, diz a nota.

Correio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *