Deltan recebe advertência por sugerir “panelinha” dentro do STF em entrevista no ano passado

O procurador-geral da República, Deltan Dallagnol, foi advertido pelo Conselho Nacional do Minstério Público (CNMP) por uma declaração dada em entrevista à rádio CBN em 2018.

Na ocasião, o coordenador da força-tarefa da Lava Jato questionou decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) e alegou que ministros muitas vezes agem em “panelinha”. Deltan disse ainda que a postura dos ministros do STF poderia passar a mensagem de coninvência com os casos de corrupção.

A decisão, de acordo com informações da colunista Mônica Bérgamo, da Folha de S. Paulo, foi tomada por oito votos favoráveis à punição e três contra.

O caso faz parte de um Processo Administrativo Disciplinar (DAP) aberto pelo presidente do STF, Dias Toffoli, em abril deste ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *