Centro de Culturas Populares realiza oficinas de Cultura em Santo Amaro e Feira de Santana

Os grupos Moviafro, Terno de Reis Filhos do Sol e Sou de Santinho realizam nos dias 10 e 11 deste mês, nos municípios de Feira de Santana e Santo Amaro, as oficinas de Cultura, Memória e Identidade. Os eventos, que têm como objetivo resgatar as tradições locais e valorizar a memória, serão apoiados pelo Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI), da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

Segundo o diretor do CCPI, André Reis, a ideia é reunir os grupos e as manifestações de cultura popular e identitária. “O intuito é trabalhar a manutenção e a preservação dessas culturas. As oficinas trabalham essa relação da preservação da identidade cultural e os participantes terão direito a certificado”.

Em Feira de Santana, a oficina será no auditório do Mercado de Arte Popular, na Avenida Getúlio Vargas, no Centro da cidade, das 14h às 19h, na quinta-feira (10). Já em Santo Amaro, no Recôncavo baiano, a oficina acontece na sede do Centro Estadual de Educação Profissional em Turismo (CEEP), no dia 11 de outubro, das 13h30 às 17h30.

Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) é responsável pela execução, proteção e promoção das políticas públicas de valorização e fortalecimento das manifestações populares e de identidade, orientadas de acordo com o pensamento contemporâneo da Unesco e do Ministério da Cultura. Seu campo de atuação contempla a cultura do sertão, de matrizes africanas, ciganas e indígenas, LGBTQ+, infância e idosos. Coordena a programação artística dos largos do Pelourinho e suas grandes festas populares.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *