Medina é eliminado por francês e John John Florence é bicampeão mundial de surf

Não deu para Gabriel Medina. Sonhando com o bicampeonato mundial de surfe, o brasileiro lutou bastante, mas foi eliminado nesta segunda-feira (18) pelo francês Jeremy Flores nas quartas de final na etapa de Pipeline, no Havaí. Com isso, viu John John Florence conquistar título dentro de casa.

O sonho ficou pelo meio do caminho com uma derrota por 12.76 a 6.04. Como John John já havia avançado para a semifinal, Medina precisava do título da etapa para levantar o caneco. Na bateria diante do francês, contudo, a sorte não estava do lado brasileiro. O surfista não fez boas escolhas e ainda pegou um mar com poucas ondas. Jeremy Flores, com isso, aproveitou o bom início de bateria, quando conseguiu uma nota 7.33, para administrar e avançar de fase.

“Foi um grande ano. Tive uma lesão no começo, que me atrapalhou muito. Mas somos profissionais, temos que lidar com isso. Tentei dar o máximo, mas tive resultados ruins e bons. Aprendi muito. As ondas estavam muito ruins na minha bateria, mas temos que lidar com isso. Estou muito cansado, dei tudo de mim na água”, afirmou Medina após a eliminação precoce.

Bi consecutivo

Com apenas 25 anos, John John Florence garantiu o bicampeonato consecutivo na Liga Mundial de Surfe. O último a conseguir o feito havia sido ninguém menos que Kelly Slater, nas temporadas de 2010 e 2011. O americano, por sinal, ainda está na ativa aos 44 anos e é o maior vencedor da modalidade na história, com 11 conquistas ao todo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *