Após vazamentos, integrantes do CNMP querem reapresentar investigação contra Deltan

Integrantes do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) querem reapresentar já na primeira sessão do colegiado, no dia 13 de agosto, pedido de abertura de investigação contra o procurador Deltan Dallagnol. As informações são da coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, publicadas neste domingo (14).

Uma apuração foi arquivada pelo corregedor do órgão em junho. De acordo com a nota, os entusiastas da investigação dizem ter número para reabrir o caso.

Neste domingo, a Folha, em parceria com o site The Intercept Brasil, revelou mais um trecho das conversas vazadas, que estão sendo divulgadas desde o dia 9 de junho. Desta vez, as mensagens mostram que Delltan Dallagnol planejou lucrar com a visibildade da Operação Lava Jato, por meio de eventos.

Deltan e outros integrantes da Lava Jato são pauta nacional da opinião pública após o site The Intercept Brasil revelar conversas comprometedoras envolvendo procuradores e o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro. Entre outras imbricações, eles são suspeitos de politizar as investigações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *