Cachoeira: sem manutenção ambulância circula com portas amarradas por corda

Em menos de uma semana (CONFIRA) a redação do Recôncavo Online recebeu mais uma denúncia envolvendo a frota de ambulâncias da rede municipal na cidade de Cachoeira. No dia 09 de março moradores da localidade do Tabuleiro enviaram denúncia onde a ambulância da SAMU estava rodando com as portas quebradas e amarradas com atadura hospitalar. Dessa vez leitores do site enviaram fotos e áudios comprovando a situação de uma ambulância da frota flutuante, que circula em várias localidades do município. Essa ambulância estaria rodando com as portas quebradas e amarradas com corda, colocando em risco a vida de pacientes que precisam ser transportados para as unidades hospitalares. “Se essa corda arrebentar aí essa maca vai cair longe. Essa é a situação da saúde na cidade. A prefeitura tem 300 mil para pagar Luan Santana no São João e não tem dinheiro para fazer manutenção nas ambulâncias da cidade. Isso é um absurdo”, desabafou um morador que preferiu não se identificar.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *