Candeias: Em 2019 cidade ganha uma biblioteca pública de referência na Bahia

O fim de semana em Candeias começou com boas notícias e uma delas foi a assinatura da Ordem de Serviço para reconstrução da Biblioteca Municipal Prof.ª Dalila Baptista, na Rua Desembargador Teixeira, na Pitanga, espaço há anos desativado, deixando a população sem local público para realizar pesquisas escolares e estudos. O evento contou com apresentação do Coral e Balé municipal, além da fanfarra Leões da Bahia e do cantor candeense Ney Santos.

Estiveram presentes os secretários Francisco Fialho, de Obras; Cassio Vinicius, Cultura e Turismo e interino de Educação; Marivalda da Silva, Serviços Públicos; Jarinho Silva, Governo; Toni Gleidson, Meio Ambiente; Washington Campos, Trânsito e Transportes; Junior CCA, Emprego e Renda; Camilo Pinto, Finanças; Robson Santana, Planejamento; o Chefe de Gabinete, Ivan Palma; Subsecretários Adjair Estevam, Sesp e Gilvanei Pereira, Sedas;  Vereadores, Silvio Correia e Gil Soares; população; O neto da saudosa Prof.ª Dalila, Fred Barbosa e o Prefeito, Dr. Pitagoras Ibiapina.

O projeto mostra uma biblioteca moderna, arrojada, com três pavimentos, espaço de estudo para concursos, espaço ao ar livre, entre outras áreas que de fato transformará abiblioteca em referência na Bahia.

Fred Barbosa, emocionado agradeceu a homenagem feita a avó. “Obrigada pela homenagem feita a minha avó que tem referência na cidade, uma pessoa para seguir como exemplo, que tanto fez pela educação em Candeias”, falou Fred.

O Ver. Gil Soares destacou que o prefeito está fazendo um trabalho para o povo e colocando na biblioteca o nome de uma pessoa que contribuiu com a educação do município. “Esta obra com certeza vai ficar marcada na história de Candeias”, pontuou Gil.

O Secretário de Cultura e Turismo e interino de Educação, Cassio Vinicius, falou da escolha do nome da biblioteca enfatizando que a história da professora Dalila Baptista  se confunde com a história de Candeias. “Há quase cem anos, ela fez a diferença: veio para Candeias, que ainda não era cidade, para ensinar mulheres, como já tinha uma professora ela inovou com uma turma mista que teve mais de cem alunos, logo após foi lecionar para petroleiros e em 1965 criou o Educandário Santa Lúcia”, explicou Cassio.

De acordo com o prefeito,Dr. Pitagoras, esta é uma das obras que dá a ele muito orgulho, pois vai contribuir muito com a educação municipal. “Estamos reconstruindo a Biblioteca,que estava totalmente abandonada, em ruinas, e tenha certeza que este espaço será referência na Bahia. A nossa população merece!”, comemorou o Prefeito.

Após as falas das autoridades municipais foi a vez da apresentação do Coral Infantil Municipal, sob o comando da Professora, Neide Santos, com o espetáculo “Em Busca da Infância Perdida” que arrancou aplausos do público e, em seguida, o Balé Municipal que emocionou a todos. O Coral Juvenil Univoz também sob o comando de Neide se apresentou cantando músicas como “Trem Bala” de Ana Vilela. Depois do coral, a Fanfarra da Escola Julieta Viana, Leões da Bahia, deu a sua contribuição para o evento.  Quem finalizou o evento foi o cantor Ney Santos que fechou a noite de alegria pela realização de um sonho, com chave de ouro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *