Vitória e Internacional duelam por vaga nas oitavas da Copa do Brasil

Nesta quinta-feira, 18, às 19h15, o Vitória entra no campo do Barradão para receber o Internacional pela partida de volta da quarta fase da Copa do Brasil. A classificação resultaria em um feito histórico para o Rubro-Negro.

Desde 2013, quando a competição foi reformulada e voltou a contar também com as equipes que disputam a Taça Libertadores, o Leão ainda não conseguiu chegar nas oitavas de final.

O melhor desempenho do Leão, até aqui, foi chegar à quarta fase, no ano passado, contra o Paraná. Nesta quinta, diante do Inter, também pela quarta fase, o Leão tenta quebrar essa barreira.

Com a obrigação de reverter o placar de 2 a 1 contra, e diante de um adversário que também disputa a Série A do Brasileiro, Denílson destacou a necessidade de fazer uma partida “perfeita” para avançar.

“Essa partida contra o Internacional é uma das mais importantes do ano até aqui (…) Temos que fazer uma apresentação perfeita para garantir nossa vaga nas oitavas de final”, avaliou o atacante, vice-artilheiro do time em 2018 com nove gols, em entrevista ao site GloboEsporte.com.

Além do feito inédito, a vaga também renderia um bom dinheiro para os cofres rubro-negros. Quem avançar já garante mais R$ 2,4 milhões como premiação. Até aqui, o Vitória acumulou pouco mais de R$ 5 milhões por passar pelas três fases anteriores.

Possibilidades

Derrotado no jogo de ida por 2 a 1, o Rubro-Negro precisa vencer por dois ou mais gols de diferença para avançar.

Caso o triunfo aconteça pela diferença de apenas um gol, a vaga será decidida nos pênaltis, possibilidade que não é descartada pelos jogadores, como contou Denílson.

“Claro que queremos conquistar a vaga no tempo normal, sem a necessidade de disputa de pênaltis, mas estamos preparados para tudo”, assegurou o jogador.

Se assim acontecer, o Vitória não terá Neilton, cobrador oficial do time, mas poderá contar com Yago. Na ausência do camisa 10, é o meia quem assume as cobranças, e ele tem ido bem até aqui. Converteu as três cobranças que tentou.

Durante a semana, o meia também projetou o confronto contra o Colorado, e comemorou o fato de decidir a classificação diante do torcedor.

“A gente foi enfrentar eles lá, e sabia que a classificação teria que trazer para dentro de casa, decidir em casa”, comentou.

Para reverter o placar, o Rubro-Negro pode se inspirar em um feito dessa mesma equipe. Na fase anterior, contra o Bragantino, o time também foi derrotado por um gol de diferença no jogo de ida.

Na volta, diante da turma rubro-negra, goleou por 3 a 0 e conquistou a vaga. Naquela ocasião, os três gols foram marcados por Neilton, desfalque certo para o compromisso desta noite.

Além dele, Fillipe Soutto, Bryan, Luan, Cleiton Xavier e André Lima também seguem fora da escalação por motivos de lesão.

Nesta quarta, 18, com portões fechados, o Leão encerrou a preparação para a partida. Ao fim do dia, o clube informou que não iria divulgar a lista de relacionados para o jogo.

Apesar do mistério, a escalação não deve ter muitas novidades em relação à equipe que empatou com o Flamengo no último sábado.

Sub-20

Nesta quinta, o time sub-20 do Leão também entra em campo pela Copa do Brasil da categoria.

Depois do empate em 1 a 1 no jogo de ida, contra o Flamengo, os garotos rubro-negros precisam vencer ou empatar fazendo mais de dois gols para eliminar a equipe carioca e seguir vivo na competição nacional.

A partida, válida pelas oitavas de final, acontece às 15h, no Estádio da Gávea, no Rio de Janeiro (RJ).

Até onde o Leão chegou desde 2013

2013 – 2ª Fase

Oponente: Salgueiro

2014 – 1ª fase

Oponente:  J. Malucelli

2015 – 2ª fase

Oponente: ASA

2016 – 3ª fase

Oponente: Cruzeiro

2017 – 4ª fase

Oponente: Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *