Bahia rescinde com a Umbro e anuncia marca própria de uniformes

O que já era esperado desde a eleição de Guilherme Bellintani foi confirmado nesta segunda-feira (26). O Bahia terá sua marca própria de uniformes.

A medida foi defendida pelo presidente desde a campanha, em 2017. A confirmação veio com a notícia da rescisão do contrato com a Umbro.

Em entrevista ao Correio, o mandatário confirmou a antecipação do fim do vínculo, que iria até dezembro deste ano, com a empresa inglesa. “Esta é uma decisão tomada. A Umbro foi muito parceira e fizemos esse acordo da rescisão do contrato. Vamos já nos próximos dias efetivar esse novo modelo que é de marca própria de uniformes”, disse.

Com a marca própria de uniformes, o Tricolor espera arrecadar mais com a venda das camisas. “Se fosse um projeto razoavelmente vantajoso, não seria suficiente. Teria que ser muito vantajoso economicamente. E nas nossas contas, vamos multiplicar de três a quatro vezes os royalties”, destacou ao veículo.

Também já está decidido que as camisas próprias do Esquadrão serão produzidas pela Bomache, empresa cearense que já produz os uniformes de Paysandu e Santa Cruz, clubes que já possuem suas marcas próprias. O Bahia criará os uniformes e a empresa apenas confeccionará.

O lançamento da primeira camisa da marca própria do Tricolor, que ainda não teve o nome e símbolo escolhidos, está previsto para o mês de agosto. Já a Umbro lançará em abril sua última camisa feita para o clube, que fará homenagem à Seleção da Rússia que disputará a Copa do Mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *