Oito são presos durante operação de combate à pedofilia em Salvador

Oito pessoas foram presas em flagrante em Salvador, na manhã desta sexta-feira, 20, durante a operação Luz na Infância, considerada a maior ação de combate à pedofilia do país. Os nomes dos detidos e circunstâncias das prisões não foram divulgados.

Também foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão nos bairros do Stiep, Chame-Chame, Pituba, Barbalho, Barroquinha, Itapuã, Coutos e Caminho de Areia.

Além da Bahia, a operação é realizada em outros 23 estados e no Distrito Federal. Até o momento, já foram presas 97 pessoas no país. Segundo a Polícia Civil, os alvos foram identificados por meio de um levantamento de informações feito pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e pela Embaixada dos Estados Unidos da América no Brasil.

Com base em evidências coletadas em ambientes virtuais, a Polícia Civil instaurou inquéritos e solicitou autorização da Justiça para realizar buscas e apreensões, visando apreender computadores e dispositivos de informática onde estão armazenados os conteúdos de pedofilia. Esse material será utilizado para indiciar e prender os suspeitos.

Na Bahia, a operação foi deflagrada por agentes do Departamento de Polícia Metropolitana (Depom), Departamento de Inteligência Policial (DIP), Delegacia de Repressão a Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), Coordenação de Tecnologia da Informação e Telecomunicações (CTIT) e Grupo Especial de Repressão a Crimes por Meios Eletrônicos (GME), além da Superintendência de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública (SI/SSP) e Departamento de Polícia Técnica (DPT), em parceria com Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP).

ATARDEONLINE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *