Cruz das Almas: Durante inauguração da nova Câmara ACM Neto leva vaias

Apesar de negar fervorosamente que esteja antecipando a campanha de 2018, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), foi a Jacobina e Cruz das Almas acompanhado de grande claque do seu grupo político. A movimentação é clássica de quem já está na disputa por votos.

Em Cruz das Almas Neto participou da inauguração do novo prédio da Câmara Municipal. A agenda foi resultado de um convite feito pelo presidente do Legislativo de Cruz, vereador Edson Ribeiro (DEM), para que Neto fosse o orador oficial da solenidade, que marcou também a entrega das Medalhas 29 de Julho em comemoração aos 120 anos de emancipação política da cidade. Além do prefeito Orlandinho Pereira (PT) toda militância petista esteve presente na Câmara. Na oportunidade ACM Neto levou aplausos mas foi muito vaiado ao proferir o seu discurso de pré-campanha eleitoral.

“Eu acho que isso [a contestação das viagens aos finais de semana] já é uma demonstração de grande desespero dos nossos adversários. Primeiro, por ter consciência do meu dever e responsabilidade com Salvador. Jamais negligenciei os meus trabalhos. Depois de ter 74% do votos, tinha que aumentar ainda mais nossas ações. Mas sexta de noite e final de semana não poder vir a Jacobina? aí não dá, né? além do desespero tem outra coisa, a inveja. Tenho certeza que qualquer um deles faria de tudo para estar aqui, esta noite”, sugeriu. Em Cruz das Almas, reduto do PT com o prefeito Orlandinho– durante sua chegada à inauguração da nova Câmara Municipal da cidade, o prefeito de Salvador foi vaiado e aplaudido.

“Independentemente de ideologia e coloração partidária, todos os que aqui estão amam e ajudam a construir Cruz das Almas”, asseverou, segundo release oficial.

Participaram da solenidade, dentre outras lideranças políticas, os prefeitos Orlando Pereira Filho (Cruz das Almas), José Ronaldo (Feira de Santana) e Marcelo Pedreira; o deputado federal Paulo Azi, os deputados estaduais Alan Sanches, Luciano Simões Filho, Carlos Geilson, Pedro Tavares, Targino Machado e Hildécio Meireles; o vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis; e o Chefe de Gabinete da Prefeitura de Salvador, João Roma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *