Pelo Nordestão, Vitória encara América-RN e busca se manter na liderança

O duelo entre Vitória e América de Natal é o maior clássico da Copa do Nordeste. Se não pela rivalidade entre as equipes em si, é, na concepção da palavra ‘clássico’, pela quantidade de vezes que houve o embate.

O encontro da noite deste sábado, 25, às 18h45, na Arena das Dunas, será o 19º na história da competição. Para se ter uma ideia, existiram mais partidas entre as equipes do que edições do próprio Regional, que neste ano acontece pela 14ª vez.

Outro número que chama a atenção: dos 120 jogos que o Rubro-Negro tem no Nordestão, 15% foram contra o adversário de logo mais. Para o Dragão, são 17% dos seus 106 jogos no torneio.

Entre os tantos embates, há momentos inesquecíveis para o Regional. Como em 1998, quando o Dragão conquistou o seu único título, sobre o Leão de Petkovic. Quatro anos mais tarde, o Rubro-Negro revidou nas semifinais. Depois, o Vitória de Nadson faturou seu terceiro título.

O retrospecto é amplamente favorável ao Leão. Foram 13 triunfos do time baiano contra apenas três do potiguar, com dois empates (veja todos os duelos no quadro abaixo).

Em momentos decisivos, o Vitória também leva a melhor, já que eliminou o Dragão nas quartas de final das edições de 2000 e 2015, além das semifinais de 2003. A dor é que o único encontro em mata-mata favorável ao América é justamente a final de 1998.

Ainda de olho no retrospecto, o time comandado por Argel Fucks tem uma marca e tanta para defender no duelo deste sábado, 24: o Rubro-Negro venceu os últimos cinco encontros com o Dragão, sendo dois pelas quartas de final de 2015. A última derrota foi em 2014, um 3 a 0 para o América em pleno Barradão.

Em ascensão

Depois da derrota por 4 a 2 para o Botafogo-PB pela própria Copa do Nordeste, o time de Argel Fucks engatou uma série de triunfos. Já são cinco, com 14 gols marcados.

É em cima dessa sequência que o comandante trabalha para vencer o Dragão neste sábado. O esquema deve ser o mesmo das três últimas partidas, com André Lima como centroavante titular e Kieza deslocado para a ponta esquerda. O chileno Pineda deve continuar na vaga que no início do ano era de David. Na defesa, Kanu segue como titular.

Uma novidade pode ser a estreia do lateral direito Patric, que foi relacionado para a sua primeira partida. O meia Dátolo, que sofreu uma entorse no tornozelo direito, é o desfalque mais sentido.

Caso vença, o Leão chegará a nove pontos no Grupo E, e abrirá seis pontos para o terceiro colocado, que é o próprio América. O Sergipe, único que pode empatar em pontos com o Vitória, só joga na Quarta-Feira de Cinzas, contra o Botafogo-PB, em João Pessoa.

Em crise

O time potiguar chega em crise para o clássico deste sábado. A equipe comandada por Felipe Surian acabou fora da decisão do 1º turno do Estadual, que será disputada entre o seu rival, o ABC, e o Globo.

O Dragão ainda foi eliminado na 1ª fase da Copa do Brasil há cerca de 15 dias, ao perder para o Audax, em Osasco, por 1 a 0. Para completar, está em 3º lugar no Grupo E da Copa do Nordeste, atrás do Leão e do Sergipe.

Diante do mau momento, o ameaçado treinador quer um time cauteloso em campo contra o favorito Vitória: “Não adianta ser ofensivo contra uma equipe que gasta R$ 4 milhões por mês. Temos que ter cautela. Diante das circunstâncias que se apresentarem durante o jogo, vamos buscar o ataque. Espero não sofrer gol nessa próxima partida”.

Histórico de jogos pelo nordestão

2017

Vitória 2×1 América (G)

2015

Vitória 4×2 América (QF)

América 0x1 Vitória (QF)

América 1×3 Vitória (G)

Vitória 2×1 América (G)

2014

América 0x0 Vitória (G)

Vitória 0x3 América (G)

2013

Vitória 1×1 América (G)

América 1×2 Vitória (G)

2010

Vitória 2×1 América (1F)

2003

Vitória 3×2 América (SF)

América 0x1 Vitória (SF)

2002

Vitória 3×2 América (1F)

2001

América 1×3 Vitória (1F)

2000

América 1×0 Vitória (QF)

Vitória 3×1 América (QF)

1998

América 3×1 Vitória (F)

Vitória 2×1 América (F)

(G) Fase de grupos

(1F) primeira fase

(QF) quartas de final

(SF) semifinais

(F) final

América-RN x Vitória – 4ª rodada do Grupo E da Copa do Nordeste

Local: Arena das Dunas, em Natal (RN)

Quando: Sábado, 25, às 18h45

Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães

Assistentes: Armando Lopes de Sousa e Arnaldo Rodrigues de Souza (trio do Ceará)

América-RN – Fred, Osmar, Paulão, Richardson e Everton; Filipe Alves, Marcos Júnior e Michel Cury; Lúcio Curió, Raul e Tony. Técnico: Felipe Surian.

Vitória – Fernando Miguel, José Welison, Kanu, Fred e Euller; Willian Farias, Uillian Correia e Cleiton Xavier; Pineda, Kieza e André Lima. Técnico: Argel Fucks.

 

Atarde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *